Najla

logo locutores.com.br
Najla Andrade picture

Najla Andrade

Feminino
(57 anos)
Londres, - GB
  • Chat Offline
  • Feminino (57 anos)
  • Idiomas: Inglês - Reino Unido Português - Brasileiro

Áudios

Português - Brasileiro

Voicereel

01:48

Português - Brasileiro

Campanha mariamercado.com

Voz Jovem 00:32

Português - Brasileiro

Amende Cosméticos

Voz Varejo 00:32

Português - Brasileiro

Campanha GS Som 1

Voz Madura 00:32

Português - Brasileiro

Campanha GS Som 2

Voz Padrão - Grave 00:32

Inglês - Reino Unido

00:31

Inglês - Reino Unido

00:31

Inglês - Reino Unido

00:31

Inglês - Reino Unido

00:32

Inglês - Reino Unido

00:32

Sobre Mim

Versátil e com mais de trinta anos de experiencia, Najla Andrade oferece um vasto repertório vocal incluindo: voz madura, jovem, formal, caricata, varejo, atendimento telefônico, vinhetas, expressiva e narração. Formada em Teatro pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), desde 1990 Najla vem trabalhando em inglês e em português com locuções, podcasts, comerciais para radio e televisão, teatro e cinema no Brasil e Inglaterra. Como locutora no Brasil, destacam-se os clientes: Universidade Rui Barbosa, GS Som, Operadora Servinet, Casa Amorim, Amende Cosméticos, Maxitel, dentre outros. Como locutora na Inglaterra, participou do Podcast "Women Against Violence" (dublagem), de diversos corporativos para multinacionais e narrações para espetáculos e promocionais para internet, dentre outros. Como atriz no Brasil, destacam-se os espetáculos: Divinas Palavras, de Ramón Del Valle-Inclan, dirigido por Nehle Frank, ganhador do Prêmio Shell 2000, A Casa de Eros, direção de José Possi Neto; Los Catedrásticos, direção de Paulo Dourado dentre outros. Como atriz em Londres, destacam-se: Hold, de Christopher O’Donnel (filme) , The Basement, de Thiago Lyra (filme), Brasileiríssimos (filme parea internet), de Marcio Mello, dirigido por Jorg Wagner. Waltz # 6 (Valsa Número 6), de Nelson Rodrigues dirigido por Franko Figueiredo e produzido por StoneCrabs Company; All Nudity Shall Be Punished, de Nelson Rodrigues dirigido por Kwong Loke, produzido por StoneCrabs Company; Life Mater Mother “Banana” (espetáculo), de Lívia Sardão, dirigido por Madeleine Hutchings; The Chronic Love Dispensary (espetáculo) apresentado no The Phoenix Artist Club e Park Theatre; This Was Just (espetáculo), apresentado no Theatre 503; Repast, part of Red, Like Embers: A Festival of New Writing no Theatre 503 espetáculo); For Elise, de Grace Passô, dirigido por Ramiro Silveira, apresentado na Embassy of Brazil; Turmoil (espetáculo), de Jo Bilac, dirigido por Andre Pink, Dende Collective company apresentado no Lime House Town Hall. Ela ainda fez diversos workshops incluindo: Teatro Físico, Voz e Interpretação, Clown, Butoh , Boal, e Pilates. Najla não possui home studio, mas tem parceria com um estúdio profissional em Londres e pode facilmente trabalhar para `a distância.

Versátil e com mais de trinta anos de experiencia, Najla Andrade oferece um vasto repertório vocal incluindo: voz madura, jovem, formal, caricata, varejo, atendimento telefônico, vinhetas, expressiva e narração. Formada em Teatro pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), desde 1990 Najla vem trabalhando em inglês e em português com locuções, podcasts, comerciais para radio e televisão, teatro e cinema no Brasil e Inglaterra. Como locutora no Brasil, destacam-se os clientes: Universidade Rui Barbosa, GS Som, Operadora Servinet, Casa Amorim, Amende Cosméticos, Maxitel, dentre outros. Como locutora na Inglaterra, participou do Podcast "Women Against Violence" (dublagem), de diversos corporativos para multinacionais e narrações para espetáculos e promocionais para internet, dentre outros. Como atriz no Brasil, destacam-se os espetáculos: Divinas Palavras, de Ramón Del Valle-Inclan, dirigido por Nehle Frank, ganhador do Prêmio Shell 2000, A Casa de Eros, direção de José Possi Neto; Los Catedrásticos, direção de Paulo Dourado dentre outros. Como atriz em Londres, destacam-se: Hold, de Christopher O’Donnel (filme) , The Basement, de Thiago Lyra (filme), Brasileiríssimos (filme parea internet), de Marcio Mello, dirigido por Jorg Wagner. Waltz # 6 (Valsa Número 6), de Nelson Rodrigues dirigido por Franko Figueiredo e produzido por StoneCrabs Company; All Nudity Shall Be Punished, de Nelson Rodrigues dirigido por Kwong Loke, produzido por StoneCrabs Company; Life Mater Mother “Banana” (espetáculo), de Lívia Sardão, dirigido por Madeleine Hutchings; The Chronic Love Dispensary (espetáculo) apresentado no The Phoenix Artist Club e Park Theatre; This Was Just (espetáculo), apresentado no Theatre 503; Repast, part of Red, Like Embers: A Festival of New Writing no Theatre 503 espetáculo); For Elise, de Grace Passô, dirigido por Ramiro Silveira, apresentado na Embassy of Brazil; Turmoil (espetáculo), de Jo Bilac, dirigido por Andre Pink, Dende Collective company apresentado no Lime House Town Hall. Ela ainda fez diversos workshops incluindo: Teatro Físico, Voz e Interpretação, Clown, Butoh , Boal, e Pilates. Najla não possui home studio, mas tem parceria com um estúdio profissional em Londres e pode facilmente trabalhar para `a distância. <

Versátil e com mais de trinta anos de experiencia, Najla Andrade oferece um vasto repertório vocal incluindo: voz madura, jovem, formal, caricata, varejo, atendimento telefônico, vinhetas, expressiva e narração. Formada em Teatro pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), desde 1990 Najla vem trabalhando em inglês e em português com locuções, podcasts, comerciais para radio e televisão, teatro e cinema no Brasil e Inglaterra. Como locutora no Brasil, destacam-se os clientes: Universidade Rui Barbosa, GS Som, Operadora Servinet, Casa Amorim, Amende Cosméticos, Maxitel, dentre outros. Como locutora na Inglaterra, participou do Podcast "Women Against Violence" (dublagem), de diversos corporativos para multinacionais e narrações para espetáculos e promocionais para internet, dentre outros. Como atriz no Brasil, destacam-se os espetáculos: Divinas Palavras, de Ramón Del Valle-Inclan, dirigido por Nehle Frank, ganhador do Prêmio Shell 2000, A Casa de Eros, direção de José Possi Neto; Los Catedrásticos, direção de Paulo Dourado dentre outros. Como atriz em Londres, destacam-se: Hold, de Christopher O’Donnel (filme) , The Basement, de Thiago Lyra (filme), Brasileiríssimos (filme parea internet), de Marcio Mello, dirigido por Jorg Wagner. Waltz # 6 (Valsa Número 6), de Nelson Rodrigues dirigido por Franko Figueiredo e produzido por StoneCrabs Company; All Nudity Shall Be Punished, de Nelson Rodrigues dirigido por Kwong Loke, produzido por StoneCrabs Company; Life Mater Mother “Banana” (espetáculo), de Lívia Sardão, dirigido por Madeleine Hutchings; The Chronic Love Dispensary (espetáculo) apresentado no The Phoenix Artist Club e Park Theatre; This Was Just (espetáculo), apresentado no Theatre 503; Repast, part of Red, Like Embers: A Festival of New Writing no Theatre 503 espetáculo); For Elise, de Grace Passô, dirigido por Ramiro Silveira, apresentado na Embassy of Brazil; Turmoil (espetáculo), de Jo Bilac, dirigido por Andre Pink, Dende Collective company apresentado no Lime House Town Hall. Ela ainda fez diversos workshops incluindo: Teatro Físico, Voz e Interpretação, Clown, Butoh , Boal, e Pilates. Najla não possui home studio, mas tem parceria com um estúdio profissional em Londres e pode facilmente trabalhar para `a distância. <

Galeria de Fotos

Vídeos